Porno indie

Pornografia indie ou pornografia ética, feminista, ou fair trade. Afasta-se do mainstream tanto em termos éticos, como estéticos. Claro que, por vezes, há fenómenos indie que tomam proporções descomunais e ganham o seu próprio espaço na cultura pop, como os Radiohead. A Erika Lust é uma espécie de Radiohead da pornografia. É, de longe, a cineasta mais famosa de filmes para adultxs independentes. Não enche arenas, mas tem fãs um pouco por todo o lado. O seu projeto mais popular é o XConfessions, em que grava as fantasias confessadas de quem se atrever a com ela partilhá-las. Podem fazê-lo no seu site e talvez um dia vejam a vossa fantasia transformada em porno! Além disso, Erika Lust também tem a curadoria do Lust Cinema, disponível em Chrome Cast e Apple TV, e do Else Cinema, uma versão que mais soft, sedutora e apaixonada. A Pink Label TV é outro site em que podem encontrar uma vasta coleção de pornografia indie. Ao contrário dos anteriores, este permite a visualização gratuita de muitos filmes.

Ainda dentro do indie queria fazer menção a dois projetos: o Four Chambers e o Fuck for Forest. O primeiro produz filmes que exploram a sexualidade entrelaçada com a “tecnologia, simbolismo, mitologia e alquimia” – nas palavras da autora, Vex Ashley, uma performer de Erika Lust. Portanto, se se sentem místicxs, o Four Chambers é para vocês! Fuck For Forest é uma organização ecológica, não um site de pornografia comercial, cujas doações servem a preservação de florestas tropicais. Troca-se pornografia por árvores, basicamente (dizem elxs – eu não tenho forma de verificar).

A ganhar grande popularidade há ainda o site Bellesa, dirigido por mulheres, que se autointitula “A Netflix da pornografia”. Na mesma onda têm o Sssh e o FrolicMe e, se tiverem um fraquinho por pornografia amadora, procurem o Make Love Not Porn, apesar de a sua criadora, Cindy Gallop, preferir chamar-lhe “real world sex”.

Fica a faltar-me pornografia indie gay, mas já ando na batalha. Espero que usufruam das minhas pesquisas tanto como eu 😊

Abaixo um still do XConfessions Vol. 1, Erika Lust.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s